“Dennis das Antigas” FURACÃO 2000

 

Durante a pandemia, Dennis DJ fez barulho com lives relembrando músicas nostálgicas. Além disso, o DJ promoveu um show em São Paulo com a mesma temática no ano passado, na Arena Estaiada, e foi um sucesso de vendas. Agora, o musicista preparou uma edição do “Dennis das Antigas” no Rio de Janeiro .

O DJ fez uma viagem na história do funk, relembrando sucessos da carreira de Dennis, um dos maiores produtores, compositores e DJs de funk da atualidade. Nesta edição, o Espaço Hall abrigou hits de 1996 até 2012, com produções como “Vai Lacraia”, “Cerol na Mão” e “Glamurosa”, que foram eternizadas na memória do povo brasileiro. No entanto, Dennis não estava sozinho nesta jornada. O DJ contou com as participação de artistas  mais nostálgico, como Furacão 2000,  Andinho, Colibri, Cidinho, Serginho, Menor da Chapa, Mascote e Neném , Koringa , Naldo Benny e entre outros . Além dos convidados especiais Rômulo Costa e Priscila Nocetti , o ambiente  foi  animado por pirotecnia, fumaça e luzes.

“Eu já estava há muito tempo querendo fazer essa festa, mas dependia de agenda, logística e agora deu certo! O evento está ficando muito lindo e é algo muito especial pra mim, porque é uma forma de agradecimento de tudo o que o funk fez por mim. A gente vai fazer uma grande celebração neste dia, muitas novidades, participações especiais de peso.” Comentou o DJ.

Vale lembrar que esse ano de 2023 está fazendo 20 anos que Dennis saíu  da Furacão 2000 para poder seguir meu caminho solo. Porém , o show foi de eterna gratidão enorme pela gravadora  FURACÃO 2000 . Com uma noite histórica, porque tocou de tudo, desde os anos 90, 2000, 2005, 2007, 2010, 2012, enfim ficou pra contar eternizar essa história !

SOBRE DENNIS

Em 1996, ele trocou a profissão de barman pelo trabalho de DJ na equipe da Furacão 2000, empresa do mercado funk carioca. “Agora eu era o DJ naqueles bailes que antes ficava só vendo. Fiquei até 2003”. Neste período, produziu CDs da série “Furacão 2000 – Tornado Muito Nervoso” e esteve por trás de grandes sucessos do funk, ajudando a difundir o ritmo pelo país.

Foi na Furacão 2000 que ele percebeu a força das músicas dançantes, como as do grupo É o Tchan!, e levou a dança aos bailes da equipe, usando as gírias dos funkeiros, como “só tem popozão” e “vai popozuda [mulher com bumbum grande]”

 

Créditos das fotos  : @pingo_fotos

Furacão House #116 

Dennis das antigas #FURACÃO 2000 #20ANOS

É a fura ! Confira os destaques dos lançamentos do mês de Outubro !

Quando se fala em funk os melhores são marcados pela  gravadora carioca administrada por Rômulo Costa , Furacão 2000 .

Confira os destaques dos lançamentos do  mês de Outubro ! Aumenta o som !

Don e MB – Lyric Modo Prive

 

 

Bruno Oliveira de Lucena, conhecido como “MC Bola de Fogo” , nascido no Rio de Janeiro, na comunidade das Cinco Bocas no Bairro Brás de Pina (Zona Norte do Rio de Janeiro). Cresceu dentro de uma comunidade onde viu o funk em evidencia por volta do ano de 1990 quando começou os bailes dentro de favelas.

Aos treze anos de idade, descobriu seu amor pelo funk. Trabalhando como cuidador de carro nas ruas do RJ, conseguiu juntar um valor para comprar discos de batidas de funk e assim criar e gravar suas músicas. Nove anos depois aos 22 anos de idade teve a oportunidade de participar de um concurso de Rap da equipe de som ZZ Disco, no qual foi o ganhador entre 100 MCs. Episódio esse que abriu as portas para o Mc Bola de Fogo ganhar fama e sucesso com suas músicas.

No ano de 2005 MC Bola de Fogo estourou mundialmente a música “Atoladinha” , onde foi em vários programas de televisão, rádios e viajou para vários países levando seu hit. Hit no qual até hoje em dia faz sucesso. Hoje aos seus 43 anos de idade, sempre extrovertido, continua acompanhando a evolução do Funk e fazendo suas músicas com batidas atuais, levando sempre alegria ao seu público.

 

JÁ PENSOU EM FAZER PARTE DO CASTING DE ARTISTAS DA FURACÃO 2000?

Esse é um espaço direcionado a você, artista. Aqui você pode nos enviar sua música ganhando um espaço e visibilidade em nosso site.

ENVIE A SUA MÚSICA 

Furacão 2000 a número 1° do Brasil !

No último sábado, dia 28 de agosto, o som pesado da furacão 2000 marcou  presença nos Festivais Replay no Rio e Arvo em Florianópolis .

O ARVO é um festival de música brasileira que nasceu para transformar o comportamento e o consumo de música e cultura em Florianópolis. Aproximadamente 20 mil pessoas já passaram pelas 7 edições realizadas com mais de 100 horas de programação musical. Através da #brasilidadetropical criamos uma experiência que celebra a cultura do nosso país e evidencia o que temos de mais lindo: a mistura!

 

Replay Festival (Rio) com a nostalgia dos anos 2000 com grandes nomes da época.Com Wanessa, Felipe Dylon e mais, festival de música relembra os anos 2000 e reúne famosos.

 O Festival aconteceu no dia 28 de outubro, no Riocentro, Rio de Janeiro e a segunda data marcada para o dia 04 de novembro, sábado, no Centro Esportivo Tietê, em São Paulo.

Próxima edição :

Replay Festival São Paulo – 4/11 (Centro Esportivo Tietê)

  • Sean Kingston
  • Furacão 2000
  • CPM 22
  • Supla e os Punks de Boutique
  • Kasino
  • Wanessa Camargo
  • Br’oz

Garanta o ingresso

É o poder! Mulheres no funk que você precisa conhecer !

A furacão 2000 separou uma playlist especial das #FUNKEIRAS que representam o movimento funk para o mês da campanha Outubro Rosa, de prevenção ao câncer de mama alertando a conscientização e apoio à causa de mulheres que objetiva chamar a atenção da população sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce de câncer de mama. Confira agora:

Mulheres no funk que você precisa conhecer !

Juliana E As Fogosas ( Grupo de funk )

Formado somente por Mulheres o Grupo ganhou destaque no Mundo do Funk aparecendo no primeiro DVD a Equipe Furacão 200. Juliana junto de sua irmã Camila vêm arrazando no Rio de Janeiro junto das outras Fogosas .

 

A maior artista do país  !

Anitta começou cantando músicas de Priscila Nocetti na Furacão 2000

Maysa Abusada , ex dançarina do grupo Leandro e As Abusadas

Viviane de Queiro, Pocah como MC Pocahontas, deu os primeiros passos no funk, ainda na adolescência, e lançou seu primeiro hit, “Mulher do Poder”, aos 18 anos.

Antigas “rivais” , as funkeiras MC Kátia e MC Nem

Katia “brigava” com MC Nem, e as duas passaram a ser conhecidas como

“Fiel” e “Líder”, respectivamente a “esposa traída” e a “principal amante”

Mc Nina

 

Mc Deise Loira é  uma das Relíquias do Funk Carioca

Em 2002 iniciou sua carreira solo com o sucesso “Troca e aplica”,  depois “Troca de marido”,  “Sábia e fiel”,  “Tipo Barbie, modelo,  vilã”,  “História triste”

Mc Carol

 ‘Minha vó tá maluca’ Faixa do dvd da furacão 2000

O funk virou hit na internet e nas rádios cariocas

Mali mudou de nome e deixou a timidez de lado para cantar funk

Gaiola das Popozudas

 Foi um grupo musical feminino de funk carioca criado no ano 2000

O grupo é considerado um dos precursores do funk carioca feminino

Priscila  Nocetti

Cantora, radialista e apresentadora de televisão e é  casada com Rômulo Costa,

fundador da equipe de som Furacão 200.

 

Rômulo Costa, rei do funk carioca !

ROMULO COSTA

Este depoimento é endereçado a todos que curtiram, curti o Funk…É com grande prazer, e esperança redobrada de ver o Brasil continuar mudando, que apresento a vocês o DNA desta pessoa . Tenho certeza de que vocês também o já conhecem. Talvez não tão bem quanto eu, relatarei alguns episódios reais.

Hoje muitos dizem que o Funk é perseguido, que os bailes Funks estão proibidos e tal , nas linhas abaixo vcs terão um idéia do porque do sucesso do Funk hoje, apesar dos probleminhas que enfrenta hoje.

No dia 23 de novembro de 2000, O produtor de bailes funks Rômulo Costa, 46 anos, dono da Furacao 2000, foi preso quarta-feira pela equipe do delegado Artur Cabral, titular da 28ªDP (Campinho), cumprindo um mandado do juiz Geraldo Luiz Mascarenhas Prado, da 37ªVara Criminal que decretou sua prisao temporária por 30 dias. O empresário estava sendo investigado há cerca de um mês em inquérito que apura casos de violência nos bailes, corrupçao de menores e envolvimento com o tráfico de drogas. A morte de um menor durante um baile realizado em agosto por sua equipe no Country Club Jacarepaguá pode ter sido um dos principais motivos que levaram à sua prisão.

Num dia de gravações em Novembro de 2000, Rômulo Costa foi preso em um estúdio de Sao Cristóvao, quando gravava o programa da Furacao 2000, exibido aos sábados na televisao. O empresário foi levado para a Delegacia de Campinho, mas como no local nao existe carceragem masculina, foi transferido para a 31ªDP (Ricardo de Albuquerque).

Rômulo, depois de cumprido a prisão preventiva, confiante, apresentou-se voluntariamente à CPI da Alerj e ao delegado Artur Cabral. “Sou inocente. Nao tenho nada a ver com essa violência”, disse durante a prisao.O dono da Furacao 2000 rebate ainda as imagens de uma fita de vídeo apreendida pela polícia , onde aparece envolvendo-se em uma briga de galeras. “Eu estava tentando apartar. Na fita nao tem áudio para confirmar que eu estava incitando a violência”, defende-se. A acusaçao de envolvimento com o tráfico, a partir de uma agenda encontrada em poder de traficantes do Morro do Chapadao, onde consta um registro de valores pagos à Furacao 2000, também é rebatida por ele. “Nao é o meu nome que aparece na lista. É o da empresa”.A prisao de Rômulo mobilizou representantes do Movimento Viva Rio, que decidiram ir à delegacia para conhecer os motivos que levaram á prisao do produtor. Segundo eles, Rômulo costumava participar das campanhas de paz lançadas pelo movimento. Tempos depois foi absolvido de todas as acusação que lhe foram deferidas.

Racismo

Romulo Costa orfão(Pai e Mãe) desde os cinco anos de idade, foi criado pela irmã mais velha….na adolescencia no colégio já manisfetava o espirito de realizar eventos sociais políticos, dentre estes destaco (segundo os familiares) o evento realizado na Cobertura do Prédio da Prefeitura da cidade natal.Nesta época a defesa em prol dos negros foi evidente, pois a maioria dos frequentadores deste evento eram de cor negra. O prefeito da cidade foi muito combatido por deixar a realização deste evento, onde a maioria eram jovens da cor negra.
Vemos que Romulo Costa, vem lutando por esta classe anos atraz, onde, creio eu, que nem ele imaginava que um dia, essa bandeira contra o Racismo o levaria até os dias de hoje…Como agenciador, empresario sempre usou a música como meio para acabar com o racismo…promovia bailes com os Grupos Copa 7 – BrasilShow, Devaneios que na epóca de 70/80 predominava no suburbio Carioca, juntamente com as Equipes Soul Gran Prix e Black Power (Poder Negro). No ano de 1976, começa a vitóriosa carreira com a Equipe Furacão 2000.
Romulo Costa fêz parte de perto o Movimento Chamado Black Rio, no qual o insprirou a realizar o 1º Encontro Nacional dos Blacks, reunindo as equipes de Som do Rio de Janeiro, de São Paulo (Equipe Zimbabwe e Black Mad), Black Minas (Belo Horizonte) e Equipe de Porto Alegre. A divulgação e realização deste evento lhe causou transtornos irreparaveis ao ponto de ser acusado de terrorista, ficar detido por horas na Central do Brasil, más a compesação foi a interação do Evento com mais de 5000 pessoas no Ginásio do Madureira.

Shows

 

Promoveu eventos (hoje nomes renomados do Rock/Samba/MBP) como: Legião Urbana/Kid Abelha/RPM/Ney Matogrosso/Sandra de Sá/Lulu Santos/Djavan e muitos outros.

Empresariamento

Foi empresário dos artistas: Roberto Carlos/Gonzaguinha/Alberto Brizola/Gerson King Combo/Toni Tornado.
Foi responsavel pela vinda primeira vez no Brasil da Tournê do Rei do Funk Melody Stevie B,e do Toni Garcia.
Foi empresario dos Dj’s Big Boy (foi responsavel pela seleção musical do 1º LP Furacão 2000)e de Messiê Limá, o maranhense Raimundo de Lima Almeida, foi responsavel pela promoção do Baile dos Mil Shows de Messie Limá, onde reuniu mais de 20 mil pessoas em bailes black no Maracanãzinho

Gravadora

Foi a primeira Equipe de som a lançar Produtos LP’s(Vinil) em uma Gravadora 100% Nacional (Som Livre) com vários titulos,e, depois de alguns anos fundou sua própria Gravadora a Furacão 2000 Records.

Programa de TV

 

Rômulo Costa – dono da famosa produtora e gravadora Furacão 2000 – e a mulher, apresentadora  , Priscila Nocetti.

Há mais de 20 anos com o programa ‘O melhor da Furacão 2000’ onde sempre dando oportunidades pela primeira vez em programas de TV como: Cidinho e Doca (Rap da Felicidade), Claudinho e Buchecha (Rap do Salgueiro), Bob Rum (Rap do Silva), Mc Pixote (Rap da Cidade Alta), Danda e Tafarel (Rap do Festival) Mc Sapão e muitos outros, atualmente citamos Anitta, Mc Bruninha, Os Hawaianos….

FILHOS


Yasmin Nocetti Costa

Jeniffer Costa

Jonathan Costa

Júnior Costa

Lançamento de Novos Talentos

Toda sexta-feira , tem lançamento com entrevista na rádio furacão 2000 a partir das 14h e dessa vez o mais novo talento que a fura tem maior orgulho de lançar é o casal ,  Ichi e C. Joy .

 Ítalo, conhecido como ICHI. Começou sua trajetória na música  com um violão que achou jogado nas ruas , e acabou se interesando a aprender a tocar .  Compositor ,  conheceu Joyce , no qual possui relacionamento amoroso .

Juntos estão lançando  a nova  música  ” Perdendo a Noção ” que a produção é  uma mistura de funk , reggaeton e love song .

A letra retrada um relacionamento nutritivo amoroso com ele  valorizando a mulher ” Morena linda tu me fascina”  e ela correspondendo ” Ganhou meu coração  ,na tua vibe e muito bom, eu vou curti a noite ao som do batidão Baaaatidaaoo “

Vale lembrar que o casal acabou trazendo referências ícones de uma anitga dupla  Mc Marcinho e Cacau lançada também no programa da  furacão 2000 .

Não tem como não nos apaixonar  pela música e o clipe

Vale a pena assistir !